Agende seu Atendimento Virtual pelo Departamento Jurídico do Sepe nos fones: (21) 99992-4931 (9h às 11h); (21) 97133-7101 (13h às 15h); ou pelo email: juridico@seperj.org.br – segunda a sexta feira

A Câmara de Vereadores do Rio de Janeiro vota nessa terça-feira (26) o projeto de lei 591/2017 que incorpora a GDAC (gratificação) ao cargo de Agente de Educação Infantil (AEIs). O Sepe orienta à categoria a comparecer à Câmara para acompanhar a votação.

A categoria não aceita aguardar mais tempo, pois é preciso resolver já a situação das agentes e garantir a incorporação da GDAC, a correção da escolaridade e o reconhecimento da função de magistério dos AEIs.

Sabemos que é prerrogativa do prefeito o encaminhamento dessas demandas, basta ter vontade política. Assim, mais que nunca, a categoria precisa estar em mobilização permanente e pressionar o governo e a Câmara para garantir o atendimento das reivindicações dos AEIs ainda em 2019.

Hoje dia 25 de novembro o Sepe entregou ao presidente da Câmara Municipal de Vereadores do Rio, o abaixo-assinado pelo reconhecimento das AEIs no Magistério, com mais de 10 mil assinaturas – o vereador Tarcisio acompanhou a delegação do Sepe (foto ao lado). 

Nessa segunda-feira (25), às 18h, haverá plenária das AEIs, no auditório do Sepe (Rua Evaristo da Veiga, 55/7º andar), em preparação à mobilização para a votação na Câmara amanhã.
 

0

Frente aos constantes ataques do governo do estado do Rio Grande do Sul, o magistério estadual deflagrou greve na quinta-feira 14/11. São anos de salários atrasados, defasados, congelados. E agora o plano de carreira está correndo riscos.

A greve das(os) educadores(as) é legítima e por isso devemos cercar de solidariedade essa categoria com tradição de lutas e enfrentamento aos mais variados governos.


Por entendermos que a saída para a classe trabalhadora é a luta, estendemos todo nosso apoio à greve dos/as educadores/as do Rio Grande do Sul.

SEPE-RJ / Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação do Rio de Janeiro

0

A direção do Sepe RJ entregou hoje (dia 25) um abaixo assinado solicitando a regularização da situação das Agentes de Educação Infantil (AEIs) ao presidente da Câmara de Vereadores, Jorge Felippe. O documento contém cerca de 10 mil assinaturas, reivindicando a  adequação deste segmento da rede municipal ao patamar vencimental, a correção da escolaridade do cargo para ensino médio normal e o reconhecimento imediato dos AEIs no quadro do magistério do município do Rio. 
0

Nesta terça-feira (dia 26/11) a Secretaria de Aposentados do Sepe RJ promoverá a abertura do 42º Encontro Estadual de Aposentados da Educação, na AAFBB (Alameda Santa Alice, 310 – Vila Santa Alice – Xerém – Duque de Caxias), a partir das 8h45m. O evento será realizado nestas terça e quarta-feiras, quando cerca de 150 aposentados de todos os núcleos municipais, regionais e Sepe Central estarão discutindo a conjuntura e as estratégias de mobilização e luta da categoria contra os ataques de diversos governos municipais que não estão cumprindo suas obrigações salariais em dia.

Outro ponto importante da pauta de debates é discussão sobre a luta dos aposentados pelos seus direitos diante das atual conjuntura política nacional, marcada pelo avanço do discurso neoliberal que ameaça o sistema público de assistência social e saúde, além da educação pública e os direitos trabalhistas.

0

O Núcleo de Estudos da Educação Infantil (NEEI) do Sepe RJ promoveu, dia 23/11, o debate: "Práticas pedagógicas de valorização das relações étnico-raciais na educação infantil". O debate foi realizado no auditório do Instituto Superior de Educação do Rio de Janeiro (ISERJ) e contou com a participação dos seguintes debatedores:
 
José Urutau  Guajajara (pedagogo, mestre em Linguística pela UFRJ e professor bilíngue de Língua e Cultura Tupi-Guarani:
 
Elisa Cláudia dos Santos Barbosa (especialista em Docência na Eduação Infantil (UNIRIO);
 
Daniela Xavier Cenciani Regis (Especialista em Psicopedagogia Institucional e professora de Educação Infantil da rede municipal do Rio de Janeiro.
 
Veja um vídeo do debate pelo link abaixo:
0