Agende seu Atendimento Virtual pelo Departamento Jurídico do Sepe nos fones: (21) 99992-4931 (9h às 11h); (21) 97133-7101 (13h às 15h); ou pelo email: juridico@seperj.org.br – segunda a sexta feira
Segundo o Jornal Extra, edicação eletrônica de hoje (dia 11/1), o governador Luiz Fernando Pezão sancionou, nesta quinta-feira, a lei que estima a receita e fixa a despesa do Estado do Rio para 2018. Ao avaliar o Orçamento que foi aprovado pela Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), Pezão vetou sete artigos incluídos pelos parlamentares. Quanto aos servidores, o governador vetou o artigo que impedia a administração de parcelar os salários. O veto é uma demonstração clara de que os ataques aos direitos do funcionalismo continuarão neste ano e que o governador está cumprindo ao pé da letra a cartilha do ajuste fiscal do governo Temer que, desde sua aprovação pelo Congresso, vem destruindo o serviço público e acabando com os direitos dos servidores públicos. Veja a matéria completa pelo link abaixo:
 
 
0

Notícia publicada pela Coluna do Servidor do Jornal O Dia mostra que a Câmara de Vereadores do Rio aprovou um projeto de lei que prioriza o pagamento do salário dos servidores, que devem receber seus vencimentos antes do prefeito Crivella e seus secretários de governo. O Poder Executivo tem até o dia 18/1 para sancionar ou vetar o projeto. O Movimento Unificado dos Servidores Municipais (MUDSPM) irá pressionar a sanção da nova lei e, ao mesmo tempo pleiteia a revogação do decreto de Crivella que alterou o calendário de pagamentos do funcionalismo municipal. Os servidores querem agendar uma audiênca com o prefeito para tratar desse assunto e outros das pautas das diferentes categorias. Veja mais pelo link abaixo:

http://odia.ig.com.br/economia/2018-01-10/servidor-crivella-tem-oito-dias-para-sancionar-ou-vetar-prioridade-no-pagamento.html

0