Saúde e DDHH
12/10/2013
NOTA DO SEPE: DIREÇAO DO SINDICATO TEVE REUNIÃO COM O COMANDANTE DA PMERJ NA SEXTA-FEIRA (DIA 11) E ENCONTRARÁ O SECRETÁRIO DE ESTADO DE SEGURANÇA JOSÉ MARIANO BELTRAMI NA SEGUNDA-FEIRA (DIA 14)

A direção do Sepe esteve reunida com o comandante geral da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro, coronel Luiz Castro, na tarde de sexta-feira (dia 11 de outubro), convocada pelo mesmo para uma audiência, na qual também estava presente o subsecretário estadual de Direitos Humanos Eloi Ferreira de Araújo.

No encontro, a direção do sindicato reivindicou do comandante Castro e do subsecretário de Direitos Humanos Araújo que eles intercedessem junto aos governos estadual e municipal para que as negociações com as redes estadual e municipal, em greve, fossem reabertas no mais curto prazo possível. A diretoria do Sepe deixou claro que a reabertura de negociações entre a categoria e o governo estadual e a prefeitura são fundamentais para o distensionamento e o apaziguamento dos ânimos dos profissionais de educação durante a grande passeata em defesa da educação que será realizada na próxima terça-feira (dia 15 de outubrodia do Professor) no Centro do Rio.

O Sepe também deixou claro que qualquer forma de atuação dos policiais militares durante a passeata é de inteira responsabilidade da Polícia Militar e do governo do Estado, não cabendo da parte do sindicato nem da categoria qualquer ingerência sobre as medidas adotadas para garantir a segurança dos manifestantes e o bom andamento da atividade. A diretoria do sindicato deixou claro que o comportamento dos profissionais da educação que participarão do ato seguirá as tradições das manifestações organizadas pelo Sepe em mais de três décadas de atuação da entidade na defesa dos direitos dos profissionais das escolas públicas do Rio de Janeiro e da luta por uma educação pública de qualidade. Durante todos estes anos, sempre realizamos nossas atividades de forma pacífica, com músicas e palavras de ordem, de acordo com as maneiras que entendemos serem mais eficientes para garantir os direitos dos profissionais da educação das escolas públicas do Rio de Janeiro. Nunca pregamos nem defendemos a utilização da violência em nossos atos nem a depredação do patrimônio público ou privado.


Solicitação também será feita ao secretário Beltrami em reunião na segunda (dia 14)


Em audiência com o secretário de estado de Segurança, José Mariano Beltrami, marcada para a segunda-feira (dia 14 de outubro), às 15h, a direção do Sepe irá reafirmar a solicitação ao secretário para que ele também interceda junto ao governador Sérgio Cabral e ao prefeito Eduardo Paes para que as negociações entre estas autoridades e a categoria em torno das reivindicações dos educadores estaduais e municipais voltem a ser colocadas na mesa e, desta maneira, possamos chegar, de forma democrática, a uma solução para o atendimento dos itens constantes nas respectivas pautas de reivindicação
Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação do RJ
Endereço: Rua Evaristo da Veiga, 55 - 8º andar - Centro - Rio de Janeiro/RJ
Telefone: (21) 2195-0450