Sepe/Dieese
09/08/2012
Atenção Rede Municipal: Pacto Carioca - Não assine!
Compartilhar


Na última semana, a Prefeitura enviou para as escolas o chamado Pacto Carioca

Trata-se de um documento onde os professores se comprometem a alfabetizar os alunos.

A orientação jurídica é para que ninguém assine. Nós sabemos do nosso compromisso em garantir a aprendizagem de nossos alunos, porém isso não depende apenas da nossa vontade e determinação.

O objetivo de Eduardo Paes e Claudia Constin é esconder a responsabilidade deles pelo fracasso da educação pública e legitimar a aprovação automática.

O prefeito não investe 25% das verbas na educação. A estrutura dos prédios e as condições de trabalho são péssimas. Fundações e empresas privadas ganham dinheiro para impor métodos ineficazes, que jamais garantirão um processo de ensino aprendizagem. As provas externas criam rankings de premiação aos melhores, desrespeitando um dos princípios mais básicos e éticos da concepção de educação.

São estas instituições privadas que ditam agora o projeto pedagógico.

Os professores tornaram-se polivalentes e meros aplicadores de apostilas e provas.

As merendeiras estão em extinção; os agentes auxiliares de creche continuam com dupla função e agora com a sua função ainda mais precarizada, com contratos temporários. Os PII de 40 horas não têm equiparação. Os salários são baixos. Não temos Plano de Carreira Unificado e nem o direito legal de 1/3 do tempo para planejamento.

Portanto, quem não tem o compromisso com a educação pública de qualidade é o prefeito e sua secretária municipal, Costin.

Por isso, “Pacto Carioca”: Não assine!

 


Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação do RJ
Endereço: Rua Evaristo da Veiga, 55 - 8º andar - Centro - Rio de Janeiro/RJ
Telefone: (21) 2195-0450