Sepe/Dieese
05/07/2012
Escola Municipal Maria Ângela Moreira Pinto “funciona” há quatro dias parcialmente sem luz
Compartilhar


Fonte: Sepe Niterói

Desde a última segunda-feira (02), a Escola Municipal Maria Ângela Moreira Pinto, de Niterói, está parcialmente sem energia elétrica. Localizada no bairro de São Francisco, a escola está funcionando com as salas do primeiro andar sem energia para a luz e aparelhos elétricos. foram registradas mais de três ocorrências junto à concessionária “Ampla”, que nem mesmo foi ao local verificar o problema.

A Fundação Municipal de Educação (FME) foi acionada e enviou, somente nesta quinta-feira, alguns funcionários do setor de manutenção. Os mesmos concluíram que não problemas nas instalações elétricas da escola. A falta de energia poderia ser, disseram, resolvida pela “Ampla”.

Os estudantes das turmas afetadas têm saído mais cedo, tanto no turno da manhã quanto no da tarde. Faltando uma semana para o recesso escolar, os profissionais da educação da escola têm feito um esforço para manter as aulas sem dispensar os estudantes e, dessa forma, cumprir os 200 dias letivos ao ano, obrigatórios por lei. Sem, para isso, terem que recorrer aos sábados letivos.

Qual será o problema da Escola Municipal Maria Ângela Moreira Pinto? A privatização do abastecimento elétrico, que não resolve os problemas? Ou a falta de funcionários efetivos e de manutenção das escolas, por parte da FME? O Sepe Niterói se solidariza com o transtorno e o esforço dos educadores da escola, e está na briga por melhores condições de trabalho e por uma melhor escola pública para todos e todas.

 


Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação do RJ
Endereço: Rua Evaristo da Veiga, 55 - 8º andar - Centro - Rio de Janeiro/RJ
Telefone: (21) 2195-0450